Cavalos são incendiados após entrarem em terreno na área rural de Tucuruí

Caso ganhou visibilidade nas redes sociais, com vários artistas denunciando e cobrando respostas

Caio Oliveira08.11.19 14h38

Um caso de pura crueldade com animais chocou a sociedade de Tucuruí, no sudeste paraense, e trouxe atenção de milhares de pessoas, inclusive celebridades, depois do vídeo ser divulgado nas redes sociais. O Abrigo Au Family, ONG de defesa do direito de animais, denunciou um caso onde dois cavalos foram incendiados por um morador na zona rural de Tucuruí. Segundo a denúncia, o homem fez isso após os animais terem entrado em seu terreno sem a permissão dele.

Segundo a Secretária de Meio Ambiente de Tucuruí, Gleiciane Felix, o caso chegou ao conhecimento da prefeitura na noite desta quinta-feira (7). “Pela manhã, uma equipe nossa foi até o local, que fica bem afastado do centro do município. Ainda estamos averiguando o caso, mas assim que for confirmada a autoria, o responsável por essa barbaridade vai ser punido”, disse a secretária.

Ainda de acordo com a ONG, um dos animais, um cavalo macho, não resistiu aos ferimentos e morreu. A outra vítima, uma égua, segue viva, mas gravemente ferida. Devido à dificuldade de comunicação, já que a área onde o crime ocorreu tem dificuldades de cobertura de telefone, tanto a prefeitura quanto a ONG não conseguiram colher mais informações com o dono dos animais, mas a secretaria de meio ambiente crê que até o fim do dia, os técnicos já retornaram com informações sobre o caso. O caso se torna ainda mais sensível por a área ser marcada por conflitos agrários.

O episódio chamou a atenção de várias pessoas nas redes sociais, como a atriz Alexia DeChamps e a modelo Yasmin Brunet, além da apresentadora e ativista Luisa Mell, conhecida por sua dedicação à causa animal, que se dispôs a ajudar o animal sobrevivente. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat